Canadá-Funcionários abandonam asilo e deixam os idosos para morrer de coronavírus

No civilizado Canada, os funcionários de um asilo abandonaram o local, supostamente como medo do coronavírus, e deixaram 130 idosos para morrer de covid-19, fome e falta de higiene. Vários deles morreram. Foram semanas de terror.

O lar de idosos Residence Herron está localizado no subúrbio de Dorval, em Montreal, e agora tanto o dono como os funcionários estão sendo investigados por negligência grave.

As autoridades encontraram os idosos em suas camas, desidratados, com fome, vários deles cobertos por suas próprias fezes. Alguns já estavam mortos há vários dias, sem que ninguém percebesse.

----

Proibida visitas:

31 idosos morreram. Pelo menos cinco deles, já se sabe, morreram de coronavírus; a autópsia dos outros ainda não foi concluída

As famílias dos idosos estão revoltados porque foram proibidos de visitar seus parentes justamente para que eles supostamente não corressem risco de pegar o coronavírus.

O primeiro-ministro, Justin Trudeau enviou 125 médicos e outras equipes médicas das forças armadas para ajudar em casas de repouso.

Na Europa, os mortos por coronavírus são idosos, e moradores de asilos; quem sabe se não foram abandonados também?

Comente