Cientistas criam nano chip que pode alcançar a supremacia quântica

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Copenhagen (Dinamarca) garantem que criam um nanochip que pode ser usado para construir um simulador quântico, informação da Science Advances.

O nanochip tem menos de um décimo da espessura de um cabelo humano que permite produzir partículas de luz estáveis ​​suficientes (fótons) codificados com informações quânticas para expandir a tecnologia e alcançar a chamada ‘vantagem quântica’. Ou seja um dispositivo quântico pode resolver uma determinada tarefa computacional mais rápido do que o supercomputador mais poderoso do mundo.

“Agora temos a ferramenta que permite construir um simulador quântico que supera um computador clássico”, afirma o professor Peter Lodahl, um dos autores do estudo. Ele diz que o nano chip representa “um grande avanço e o primeiro passo em direção a um território. inexplorado no mundo da física quântica “.

Comente