Como importar da China para revender

A China já é uma superpotência de produção, e mesmo depois do coronavírus importar produtos da China ainda é garantia de sucesso para muitas empresas. Isso representa uma oportunidade fantástica para você como comprador e revendedor.

Porém, não é uma tarefa fácil, principalmente para os novatos comprar produtos da China para revender. O processo de importação pode ser extremamente complexo, confuso e caro, especialmente no Brasil com suas leis confusas.

Os ganhos esperados muitas vezes podem ser apagados por longos tempos de trânsito, custos de entrega crescentes ou flutuantes, taxas regulatórias e atrasos inesperados.
Por isso, estou mostrando aqui um guia passo a passo para quem quer importar da China para revender.

Conheça as leis de importação:

Quando você compra mercadorias exterior, você se torna importador. O transportador, tais: como a DHL / UPS / Correios se encarrega de tudo e entregará na sua porta se o seu pacote for pequeno e usado apenas para uso pessoal ou se o valor não for tão grande. Nesse caso, você economizará muito tempo e dinheiro.

Mas antes de comprar produtos comerciais, como empresa ou pessoa física, você precisará identificar para receita federal, por exemplo.

Atenção:

Muitos regulamentos de importação se aplicam apenas a bens importados para fins comerciais ou de revenda. E apenas a autoridade alfandegária pode dizer sobre o que se qualifica como uso pessoal.

Defina as mercadorias que deseja importar:

Escolher os produtos errados significa perder tempo e dinheiro. Se você pretende ser um importador de sucesso, a primeira coisa que você precisa fazer é escolher o produto correto para revender. Ou seja escolha um ou dois produtos. Por exemplo: peças para celular.

Preços do iPhone  iPhone Pro e Pro Max

Então encontre algo para se orgulhar de vender. Seus produtos definem seu negócio. Seus produtos são o seu negócio

Escolha produtos que você compraria para você mesmo ou que conheça bem. Os produtos que você vende são fundamentais para tudo o que você faz. Eles afetarão seu marketing, suas margens de lucro e o design que você usa. Logística e restrições legais também entram em jogo.

Como importar da China para revender

Certifique-se de ter feito uma pesquisa para saber que existe um mercado ou nicho para os produtos que planeja importar. Além disso, você deve saber aproximadamente quanto seu produto deve custar para ter lucro com a venda.

É melhor você reunir o máximo de informações possível sobre os produtos que pretende importar. Obtenha informações sobre a composição do produto e, sempre que possível, amostras de produtos. Essas informações serão cruciais na hora de determinar a classificação tarifária.

Dicas:

Escolha um produto de que goste.

Escolha um produto exclusivo – você possa vender por um preço alto.

Escolha um produto que possa ser enviado em grandes quantidades para baixar os custos de frete!

Certifique-se de que as mercadorias que você deseja importar são permitidas no país.
Certos bens não podem ser importados. Diferentes países têm diferentes produtos proibidos.

Certifique-se também de que as mercadorias que você pretende importar estão sujeitas a quaisquer licenças, restrições ou regulamentações do seu governo.

É responsabilidade do importador garantir que os produtos cumpram uma variedade de regras e regulamentos específicos.

Você deve evitar os produtos listados abaixo:

Queijo, leite e laticínios
Frutas, vegetais e nozes
Insetos
Pecuária e Animais
Produtos de carne, aves e ovos
Plantas e produtos vegetais
Sementes
Materiais de embalagem de madeira
Produtos Relacionados ao Tabaco
Fogo de artifício
Tecidos inflamáveis
Isqueiros multifuncionais
Alimentos, medicamentos, cosméticos e dispositivos médicos
Ouro e prata
Pele de animais
Bebidas alcoólicas
Veículos motorizados e barcos
Produtos de marca.

Importar produtos que não são seguros, que não atendem aos requisitos do código de saúde ou que violam as restrições pode acabar custando a você uma boa quantia em multas e penalidades. No mínimo, esses bens seriam detidos e possivelmente destruídos.

Calcule os custos:


Obtenha o preço do produto com o fornecedor.

Obtenha as despesas de envio com o agente de frete.

Os encargos de liberação alfandegária, impostos e taxas.

Saiba o preço do transporte terrestre desde o desembarque até o seu armazém. Entre outras despesas.

Como importar da China para revender

Encontre o seu fornecedor na China e faça um pedido.
Faça seu pedido com o vendedor, remetente ou exportador e identifique os termos de envio que serão utilizados.
Depois de selecionar seu fornecedor, solicite o Orçamento e faça um pedido teste com uma pequena quantidade para ver se vai dar tudo certo.

Lembre: que transporte marítimo é realmente muito lento, e isso significa que certamente requer muito mais planejamento de longo prazo em comparação com as compras de produtos domésticos.

Isso significa que certamente requer muito mais planejamento de longo prazo em comparação com as compras de produtos domésticos.

Como importar da China para revender

Além disso, o tempo necessário para exportar mercadorias, incluindo documentação, viagens terrestres, liberação alfandegária e manuseio no porto ou terminal de um contêiner de mercadorias pode demorar vários dias.

Em geral, recomendamos fazer um pedido pelo menos 3 meses antes de precisar de seus produtos em sua porta.

Cuidado:


O barato pode sair caro. Se você encontrar uma cotação significativamente mais barata do que as outras, acenda o sinal vermelho.
Encontre um fornecedor confiável. Na China como no Brasil, as pessoas fazem tudo para ganhar dinheiro, golpes.

Se você não for extremamente claro para o seu fornecedor sobre as especificações exigidas, há uma grande chance de você receber exatamente o que não deseja.

Certifique-se de verificar os materiais e o processo de fabricação de cada orçamento para que você possa se sentir confiante nos produtos que está comprando.

Peça amostra para verificação.

O comércio internacional é baseado na confiança mútua. Se você não confiar em seu fornecedor, vai ter problemas.

Existem muitos custos associados ao envio de mercadorias, incluindo taxas de contêiner, embalagem, manuseio de terminal e taxas de corretagem. Para obter uma imagem completa dos custos de envio, cada um desses fatores deve ser levado em consideração.

Como importar da China para revender

Frete:

Frete marítimo.
Frete aéreo.
Serviço de correio.

Escolha um bom despachante de carga:


A logística é um aspecto altamente valorizado dos negócios modernos. Os custos de envio incluem os custos diretos e indiretos de transporte de produtos de seu ponto de origem ao mercado de destino.

Rastreie sua carga e prepare-se para a chegada.


O transporte internacional de mercadorias leva tempo.

Isso é o básico meu povo. Ou seja, dar trabalho importar para revenda e pode muita coisa acontecer no meio do caminho. Então, cuidado e se prepare. Não tem vida fácil!

Comente