Exoplaneta cinco vezes maior que Júpiter

Um grupo de cientistas internacionais descobriu um enorme exoplaneta cujo ano dura apenas 16 horas devido à sua proximidade com sua estrela.

Chamado de TOI-2109b estima-se que seja 35% maior que nosso Júpiter e que pese cerca de 5 vezes maior que o gigante gasoso do Sistema Solar, de acordo com o The Astronomical Journal.

O exoplaneta está muito próximo de sua estrela-mãe, cerca de 1,5 milhão de milhas (2,4 milhões de quilômetros), o que explica a curta duração de seus anos. A título de comparação, a distância entre Mercúrio e o Sol é de 57,9 milhões de quilômetros.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Exoplaneta-cinco-vezes-maior-que-Jupiter.jpg

Devido à proximidade de sua estrela-mãe, a temperatura no lado diurno do exoplaneta é estimada em cerca de 3.226 Celsius, tornando TOI-2109b “o segundo planeta mais quente detectado até agora”, de acordo com um comunicado do Instituto de Massachusetts de Tecnologia (MIT).

Para encontrar o seu sol:


Os especialistas consideram que o planeta está em processo de “decadência orbital”, o que significa que o TOI-2109b está indo em direção a sua estrela-mãe a uma taxa de 10 a 750 milissegundos por ano (mais rápido do que outros júpiteres quentes).

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Exoplaneta-cinco-vezes-maior-que-Jupiter.jpg

Como foi detectado?

Em 13 de maio de 2020, o Transiting Exoplanet Study Satellite (TESS) da NASA começou a monitorar, em colaboração com o MIT, a estrela TOI-2109, localizada na parte sul da constelação de Hércules, a cerca de 855 anos-luz da Terra. Na época era denominado “objeto de interesse”, uma vez que poderia hospedar um planeta em sua órbita.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Exoplaneta-cinco-vezes-maior-que-Jupiter.jpg

A equipe de cientistas do TESS então analisou a luz que irradia da estrela para determinar a presença de “diminuições periódicas na luz das estrelas que poderiam indicar que um planeta está passando, bloqueando brevemente uma pequena fração da luz da estrela.”

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Exoplaneta-cinco-vezes-maior-que-Jupiter.jpg

Os dados coletados confirmaram que a estrela abriga um objeto que transita a cada 16 horas. Observação subsequente, usando telescópios terrestres, mostrou que se trata de um exoplaneta, agora denominado TOI-2109b.

Diferenças de noite e dia:

“A temperatura lá é muito fria ou o planeta está de alguma forma transferindo calor do lado diurno para o noturno? Estamos tentando responder a essa pergunta no caso desses Júpiter superaquecidos”, disse Avi Shporer, um dos autores do estudo.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Exoplaneta-cinco-vezes-maior-que-Jupiter.jpg

Enquanto isso, o TOI-2109b está programado para ser observado em um futuro próximo com o uso dos telescópios Hubble e James Webb (ainda não lançados).

Comente